Quem Somos
A Fundação Instituto de Pesquisas Contábeis, Atuariais e Financeiras (FIPECAFI) é uma entidade privada, sem fins lucrativos, criada em 1974 por professores do Departamento de Contabilidade e Atuária da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (EAC-FEA-USP), entidade a qual está vinculada. 


A missão da FIPECAFI é prover apoio institucional, financeiro e operacional ao EAC-FEA-USP e, para isso, dedica-se a fomentar, desenvolver e promover pesquisas nas áreas de Contabilidade, Gestão de Negócios e Controladoria, Finanças, Ciências Atuariais, Gestão Pública, Tributos, Governança Corporativa e outras áreas correlatas. 
Os resultados das atividades desenvolvidas pela FIPECAFI são estendidos à comunidade por meio da publicação de livros e artigos, oferecimento de cursos de graduação, pós-graduação e mestrado profissional, cursos de curta e de longa duração, e apresentação de palestras, seminários, simpósios e conferências. 
Desenvolve projetos de pesquisa contratados por entidades públicas, empresas privadas e organizações do terceiro setor, visando a emissão de pareceres técnicos, estudos e outras abordagens relacionadas à aplicação prática dos conhecimentos de ponta produzidos e desenvolvidos com a realização de pesquisas científicas.

Valores: Justiça, Integridade, Meritocracia e Profissionalismo.

Entre as finalidades e objetivos da FIPECAFI, podem-se destacar, dentre outros:


1.Otimizar o desempenho econômico, financeiro e patrimonial.
2.Fortalecer o nível de integração com o EAC/FEA/USP.
3.Garantir a satisfação de alunos, professores colaboradores e demais stakeholders.
4.Desenvolver competências, habilidades e atitudes de todos os gestores e dos colaboradores.
5.Focar na qualidade dos produtos e processos: zero defeito, zero desperdício: Fipecafi ENXUTA.
6.Promover a inovação em produtos, processos e mercados.
7.Promover pró-atividade e agilidade nas decisões e na implementação de ações.
8.Fortalecer e divulgar o nome da Fipecafi na sociedade.



 Nossa história
A FIPECAFI foi formalmente constituída em 1º de agosto de 1974 a partir da iniciativa do grupo de professores do Departamento de Contabilidade e Atuária - EAC, da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo - FEA-USP. Seu propósito era - e ainda é - dar apoio institucional ao EAC, concretizando as atividades de extensão que se somam e enriquecem as atividades de ensino e pesquisa conduzidas junto à USP.

Em um momento em que importantes normas transformavam o cenário da contabilidade no Brasil, tais como a Lei das Sociedades por Ações e a criação da Comissão de Valores Mobiliários, a FIPECAFI encontrou campo fértil para se aproximar das grandes corporações e ministrar-lhes os conhecimentos de que necessitavam.

Esse cenário foi elaborado o primeiro Manual de Contabilidade das Sociedades por Ações (1978), verdadeira bíblia da contabilidade brasileira, referência para estudantes e profissionais ligados ao setor. Dessas iniciativas seguiram-se muitas outras, como a contratação de cursos por empresas estatais como Eletrobrás, Banco Central do Brasil, CVM, Petrobrás, Banco do Brasil, Vale do Rio Doce (atual Vale S.A.) e de outras centenas de cursos por empresas privadas que precisavam conhecer, em maior profundidade, as novas normas contábeis e a sua aplicação.

A estas iniciativas seguiram-se os lançamentos de vários cursos de longa duração e extensão universitária, culminando, em 1994, com a criação do MBA Controller e, na sequência, de diversos outros cursos de sucesso na modalidade MBA - alguns dos quais em parceria com importantes associações de classe como Abamec-SP (hoje Apimec-SP), Ibri, IBGC, Anefac, dentre outras.

A instituição atingiu maior maturidade ao receber do Ministério da Educação a autorização para funcionar na forma de uma Instituição de Ensino Superior. Assim, em 2011 criou-se a Faculdade FIPECAFI, que oferece cursos de graduação em Ciências Contábeis e Administração, e curso de Tecnólogo em Gestão Financeira e Tecnólogo em Processos Gerencias, todos na modalidade presencial e à distância, além do Mestrado Profissional em Controladoria e Finanças.

Além de propagar o conhecimento por meio de cursos e publicações, desde 1974 a FIPECAFI também oferece ao mercado projetos de pesquisa e assessoria sob medida para governos e empresas públicas e privadas, contando com a expertise de pesquisadores altamente preparados para encontrar soluções para o dia a dia das companhias. A FIPECAFI também desenvolve pareceres técnicos e estudos em diversas questões relacionadas à sua área de conhecimento.

A FIPECAFI funciona próximo ao principal centro financeiro do País, na região da Avenida Paulista. Em suas modernas instalações, são ministrados cursos e conduzidas outras atividades administrativas e de pesquisa.

 Governança
A função precípua da FIPECAFI é fomentar o conhecimento em Contabilidade, Atuária e Finanças além do suporte operacional e financeiro ao Departamento de Contabilidade e Atuária (EAC) da FEA-USP. A FIPECAFI oferece ao mercado serviços de excelência para a formação executiva de profissionais e capacitação organizacional na forma de cursos, publicações, seminários, palestras e assessorias técnico-científicas, garantindo a continuidade e a valorização da pesquisa e da produção de conhecimento contábil, atuarial e financeiro e em campos multidisciplinares. A instituição colabora com o aperfeiçoamento do corpo de professores do Departamento de Contabilidade e Atuária da FEA-USP  e da Faculdade FIPECAFI, consolidando-se como referência de mercado na produção e difusão de conhecimento, sempre com qualidade diferenciada e ética. A governança da FIPECAFI é totalmente executada por professores ativos ou aposentados do Departamento de Contabilidade e Atuária da FEA-USP, e está organizada da seguinte forma:

DIRETORIA EXECUTIVA
Mandato até abril/2021


Diretor Presidente:                        Professor Welington Rocha
Diretor Administrativo-Financeiro: Professor Márcio Luiz Borinelli
Diretor de Cursos:                         Professor João Domiraci Paccez
Diretor de Pesquisas:                    Professor Fernando Dal-Ri Murcia


Conselho Curador


Reinaldo Guerreiro – Presidente

Membros Natos
Ariovaldo dos Santos 
Edgard Bruno Cornacchione Jr.
Eliseu Martins
Fábio Frezatti
Gerlando A. S. Franco de Lima
Sérgio de Iudícibus

Membros Eleitos
Bruno Meireles Salotti
Carlos Alberto Pereira
Jerônimo Antunes
João Carlos Castilho Garcia
João Vinícius de França Carvalho
Luiz Nelson Guedes de Carvalho
Mara Jane Contrera Malacrida
Marco Tullio de Castro Vasconcelos
Valmor Slomski


Conselho Fiscal
Membros Titulares
Ernesto Rubens Gelbcke
Guilherme Oscar Braunbeck
José Roberto Kassai

Membros Suplentes
Diogo Toledo do Nascimento
Gustavo Gonçalves Vettori
Joshua Onome Imoniana


 EAC (Economia, Administração e Contabilidade
A Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (FEA- USP) é uma instituição pública de ensino e pesquisa mundialmente reconhecida pela sua excelência. Ela foi criada em 1946 e está organizada em três Departamentos: Economia (EAE), Administração (EAD) e Contabilidade e Atuária (EAC).  

O Departamento de Contabilidade e Atuária (EAC) surgiu com o objetivo de preparar profissionais para suprir as necessidades do mercado brasileiro, haja vista que, com o desenvolvimento dos negócios do Brasil e o amadurecimento do mercado de capitais, houve um grande aumento do número de empresas e do seu grau de complexidade e profissionalização.

Mais de 70 anos depois de sua criação, o EAC, em alinhamento com as diretrizes da FEA-USP, pauta suas atividades pelos altos padrões da Universidade de São Paulo, adicionando conhecimento técnico-científico ao mercado e à sociedade brasileira, sob os referenciais e conhecimentos metodológicos das mais renomadas instituições internacionais.

O Departamento conta com mais de 40 professores doutores internacionalmente reconhecidos e que têm papel de extrema relevância, com produção acadêmica e trabalhos publicados no Brasil e no exterior. Seus cursos, tanto de graduação quanto de pós-graduação stricto sensu, são referências nacional e internacional, sendo que o curso de pós-graduação obteve o conceito 6 na avaliação realizada pela CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior).